Facebook Twitter RSS

Existe uma guerra no mundo da qual quase ninguém ouve falar


Texto: Jeane Vidal - Universal.org / Foto: Getty Images

No programa Inteligência e fé desta terça-feira (29) o Bispo Renato Cardoso lembrou de dois períodos sombrios na história recente da humanidade: A segunda guerra mundial que aconteceu de 1939 a 1945 e que dizimou a população mundial, e a Guerra Fria – nome dado a tensão existente entre as duas maiores potências mundiais na época: Estados Unidos e União Soviética. Uma guerra ideológica que se iniciou após a segunda guerra e só terminou em 1991, quando a União Soviética deixou de existir.

Porém o intuito do Bispo Renato, ao dar essa pequena aula de história, foi falar de outra guerra que acontece todos os dias, desde o início da humanidade, da qual não se ouve falar e poucas pessoas têm consciência de sua existência: A guerra espiritual.

“Uma guerra fria também acontece no mundo de forma espiritual. E as pessoas normalmente não pensam que estão no meio dessa guerra. Mas essa guerra existe, é uma guerra espiritual, uma guerra de palavras, de ideias. O que existe hoje e sempre existiu desde que o mundo é mundo, desde o início da existência de Satanás, começou com uma guerra de ideias contrarias às ideias de Deus. E nós estamos no meio, nós somos o prêmio dessa guerra. A nossa alma é o prêmio nesta disputa, nesta guerra entre o bem e o mal. Quem vai ficar com a sua alma? Deus ou o diabo? ”, pergunta o Bispo.

Porém, vale destacar que Deus nos concedeu o livre arbítrio. Portanto, nem Deus e nem o diabo pode decidir o destino da nossa alma. Essa decisão cabe a cada um de nós.

O maior poder que existe

“O maior poder que existe não é o poder da bomba atômica, é o poder de decisão. Esse poder está dentro de você e só você pode usá-lo da forma que quiser. Mas, obviamente, as forças do bem e do mal podem influenciá-lo a tomar decisões de um jeito ou de outro. Então, o mal trabalha para que você tome decisões que venham resultar na destruição da sua vida e, finalmente, da sua alma”, destaca.

Uma das principais armas do diabo é a mentira. Foi o próprio Senhor Jesus que afirmou que ele é o pai da mentira. Mas ainda tem outra arma ainda mais eficaz e perigosa do que a mentira: as meias verdades. Pois a meia mentira tem cara de verdade, por isso é uma das armas favoritas do mal. Isso sem falar das fofocas, enganos, fake news (notícias falsas) e argumentos convincentes que as pessoas abraçam como se fossem verdade.

A grande disputa

O Bispo cita como exemplo um argumento muito usado por algumas pessoas: “eu não preciso ir à igreja porque Deus está em todos os lugares”.

Essa é uma das meias verdades muito difundidas pelo mal. É verdade sim que Deus está em todos os lugares. Todavia, foi Ele próprio que criou a igreja para que as pessoas tivessem um lugar propício para buscá-lO.

“Esse é um exemplo apenas, mas existe vários outros. Existem várias ideias, ideologias que vão se criando no mundo para que as pessoas abracem e sejam influenciadas nas suas decisões. Uma pessoa que abraça uma ideologia, a vida dela inteira passa a girar em torno dessa ideologia. Ela vai determinar todas as suas atitudes, seus pensamentos, suas palavras, suas escolhas, até a maneira de vestir, suas amizades, os lugares que frequenta, seu estilo de vida, tudo vai ser afetado por essa ideologia que ela abraçar. Então a grande disputa hoje é a disputa pela mente das pessoas”, enfatiza o Bispo.

Siga essa dica de Deus

Segundo ele, não foi por acaso que Deus falou há milhares de anos para Josué:

Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem-sucedido. Josué 1:8

Confira a mensagem na íntegra: 

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

  • Facebook
  • Twitter
  • Myspace
  • Reddit
  • Stumnleupon
  • Delicious
  • Digg
  • Technorati
Postado por: Érick Paiva - Blog Congotícias
Érick é acadêmico do curso de Direito, cursando atualmente o quinto período na Faculdade Cristo Rei (FACCREI) de Cornélio Procópio. É o criador do Blog Congotícias, levando a informação para Congonhinhas e região há mais de 07 anos.