Facebook Twitter RSS

Boca Aberta volta a ser preso por fiscalizar UPAs com as 'blitz da saúde'


Redação Congotícias

O deputado federal paranaense Emerson Miguel Petriv, o Boca Aberta (PROS), voltou a ser preso na manhã desta segunda-feira (28), após pena imposta pela Justiça de 22 dias de prisão em regime semiaberto.

Boca Aberta teve a prisão decretada em razão de uma denúncia feita pelo Ministério Público por perturbação de sossego em uma das famosas "blitz da saúde", onde o deputado exercia o seu dever de fiscalização nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

"Eu sou um bandido da mais alta periculosidade pegando os médicos dormindo na UPA. É um verdadeiro circo montado aqui hoje pelo Judiciário. Qual o crime que cometi?", afirmou o deputado momentos antes da prisão.

Preso no Creslon (Centro de Reintegração Social de Londrina), o deputado afirmou que prefere ser preso servindo o povo do que roubando o dinheiro do povo.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

  • Facebook
  • Twitter
  • Myspace
  • Reddit
  • Stumnleupon
  • Delicious
  • Digg
  • Technorati
Postado por: Érick Paiva - Blog Congotícias
Érick é acadêmico do curso de Direito, cursando atualmente o 6º período na Faculdade Cristo Rei (FACCREI) de Cornélio Procópio. É o criador do Blog Congotícias, levando a informação para Congonhinhas e região há mais de 08 anos.