Facebook Twitter RSS

Escassez de água leva o povo ao desespero em Nova Fátima


Fonte: Odair Matias / arquivo Blog do Chaguinhas

Mesmo com um investimento de mais de 300 mil em um novo reservatório, devidamente inaugurado com festas e aplausos para políticos, o povo continua sofrendo com a falta de abastecimento na cidade. 

Uma de nossas seguidoras, moradora da rua Hortência, na Vila Antônio Ribeiro, narrou o drama que a população está vivendo em relação a falta de água em vários bairros do município.

Josie Aparecida Sabino, explicou que, há um mês vem faltando água recorrentemente na cidade e isto se tornou uma triste rotina em Nova Fátima. Para se ter uma ideia, há três dias ininterruptos não chega água até a sua comunidade. “Imagine o nosso desespero com este calor, não temos água para tomar banho, para beber ou fazer comida e ninguém na prefeitura dá qualquer explicação sobre o problema” protestou a moradora.

Segundo apuramos com os moradores, a situação agravou-se nas últimas semanas. De acordo com o repórter local "Pokemilton", a falta de água é o maior problema de Nova Fátima, sendo que, devido a escassez, houve registro de agravamento de doenças, inclusive com internamento de uma criança de dois anos, nos últimos dias.

A população informou ainda que a tarifa de água  acabou dobrando de valor nos últimos meses no município.

O fornecimento de água em Nova Fátima é desenvolvido através da SAAE-Serviço Autônomo de Água e Esgoto administrada pela prefeitura do município.


Em maio de 2013, na gestão do ex-prefeito Nilson Xavier (foto) a prefeitura divulgou o investimento na ordem de R$ 340 mil, para a construção de um novo reservatório com capacidade para armazenar um milhão de litros de água, quase três vezes a mais que o anterior. Mesmo assim o problema continua. 

Até o fechamento desta matéria, o atual prefeito de Nova Fátima, Roberto Carlos Messias, não havia respondido as reclamações da população.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

  • Facebook
  • Twitter
  • Myspace
  • Reddit
  • Stumnleupon
  • Delicious
  • Digg
  • Technorati
Postado por: Blog Congotícias
www.congoticias.net